Entre os símbolos dos arcanjos maiores e menores do tarô de Marselha, Aline conheceu sua grande mestra, Luiza Papaleo, e então fez-se a luz. Em pouco tempo já estava fazendo leituras e já tinha um tarô pra chamar de seu: o Tarô dos Orixás.

Taróloga formada pelo Centro Cultural Esotérico, Aline cada vez mais se aprofundou – e se apaixonou – pelos mitos e lendas africanas que hoje dão suporte para a leitura precisa das cartas.

Como diversão também pode ser trabalho, os estudos a transformaram em professora de Tarô dos Orixás e seus mitos. É assim, com a bas nas histórias africanas, que regularmente são ofertados cursos de leitura do Tarô dos Orixás abertos a qualquer pessoa interessada. Sem dúvida, uma experiência que aguça a percepção e os sentidos.

Para os que procuram ensino mais focado, também há a oferta de aulas individuais nas quais há a possibilidade de se aprofundar em temas específicos.

Mas se tudo isso for muito novo e diferente, pode-se começar com uma consulta ao Tarô dos Orixás que pode ser marcada através  do email: atendimento@alinecamargoast.com.br ou se estiver pelos arredores do metrô Ana Rosa pelo telefone 5084 3256, da secretaria da Gaia Escola de Astrologia, que fica na rua Frei Eusébio da Soledade, 74 – Vila Mariana. Outro espaço também para o atendimento com o tarô é o espaço Alanna – Corpo, mente e alma próximo ao metrô Carrão, rua Monte Serrat 831 – telefone 2092 6663.

E se não morar em São Paulo ou não quiser se deslocar, é só marcar uma leitura via Skype.

Você também pode me seguir pelo face: Tarô dos Orixás .